11/12/2014

o motivo da ausência...


dedicar-me em exclusivo a quem precisava de mimo extra, colo extra, xaropes e termómetros, eles! 

Não há livros, dicas ou conselhos, nada nem ninguém que prepare uma mãe para ver o seu filho doente.

Ser mãe às vezes faz doer, dói quando os vejo doentes, e queria ser eu no lugar deles e não posso. 

É angustiante, mesmo sabendo que o quadro clínico não passa de uma gripe, constipação ou o mais comum, uma virose, seja que doença for é sempre uma angustia que me corta  a respiração, o nó na garganta que desata com uma gargalhada, com gritos, passos de dança que teimam em não dar sinal, raios partam a prostração que me aflige. 

Hoje já foram para a escola.

Todos melhores, eles e nós!

Sem comentários:

Publicar um comentário